quarta-feira, 12 de outubro de 2011

O Meu Blog É Um Deserto

O meu blog é um deserto. Túmulo desértico. Triste como a caatinga. O sertão. O árido e o semiárido. O meu blog é uma solidão. Lotado de textos que ninguém lê. Ou quase, ninguém. Alguns entram aqui por acaso, procurando alguma coisa no Google. E ainda saem irritados, pois a palavra chave é a mesma; mas o assunto, não. Milhares de textos dentro do computador. No armário. Quem sabe obras póstumas pelas mãos de algum parente atencioso. A internet é um universo. E dentro desse universo tem um lugar que é o meu blog. Terra improdutiva. Elefante branco. Numa solidão só. Igual milhões de outros blogs. Sem consolo.

8 comentários:

  1. Delano o seu blog é uma floresta tropical cheia de vida. Diferente de tudo que existe, seu blog é único, úmido, orgânico, cheio de pulsão de vida e de morte.
    Já postei 650 páginas no meu "cadernos". Já tive dias sem visitas e pelo sitemiter vejo que o maior frequentador do meu do blog é o Glooglebot; um robô que mora em Mountain Veiw na California. Mas isso não importa.
    O que está em jogo é fazer Uploud, ganhar espaço, aumentar a probabilidade de colisões, conquistar territórios e dar seu grito cultural.

    ResponderExcluir
  2. Com certeza Beá... fico felicíssimo com a sua observação... e tenho certeza que é isso que vale. E o que acontece. Fazer. Escrever. Escrever, ler, e escrever. E espero não vou perder isso. Independente, mas é que as vezes entramos nessa contestação... Natural, né? Porque continuar com esse troço... Mas quem tem comichão não tem jeito...

    ResponderExcluir
  3. Ôutz! sobre esse tema já escrevi - aqui mermo!
    Arte é persistência na(s) liguagem(ens), até o ponto do sublime. Não é terapia, não é só uma imaginação frouxa, muito menos será algum contador de cliques que irá dizer pra você: "cara, o que você escreve é ótimo!" Digo eu, diz a Beá, diz você mesmo em frente ao espelho. Em momentos de deprê - estamos aki. Esse é meio sugerido pelo computador - não é a forma final, nem a melhor, nada disso... toma meu clique: click! xnd

    ResponderExcluir
  4. relembrando o passado
    http://delanovalentim.blogspot.com/2011/06/eu-acho-que-ainda-nao-ta-bom.html

    ResponderExcluir
  5. Sensacional... amigo... poeta... você é um filósofo... tenho visto as tuas análises e elas são completamente coerentes. Além de contribuírem com a minha maneira perceber... e acho bacana a forma como se expressa.... vamos nessa! muito obrigado... abraços....

    ResponderExcluir
  6. Não é não!!!!!
    Como pode ver... é bem povoado...rs
    De qualquer maneira, parabens por nos presentear com mais um texto muito bem escrito e coerente.

    ResponderExcluir
  7. Hum mm olha que você é suspeita.... rsrsrs...

    ResponderExcluir
  8. O capítulo 22 do livro "Todo mundo é Jhow!", de Delano Valentim II, está disponível para download. Leia algumas páginas do primeiro colocado na categoria romance do "Edital Novos Autores Fluminenses - 2010/2011" da Secretaria de Estado de Cultura do Rio de Janeiro: http://www.mobileditorial.com.br/?p=397

    ResponderExcluir